Nesta semana participei da segunda aula do curso avançado de vinhos da ABS-Campinas e o exercício, ao final da aula, foi a degustação de quatro exemplares de varietais sauvinon blanc:

– Amayna Barrel Fermented 2005 – Viña Garces Silva (Mistral)
– Marlborough 2007 – Saint Clair Estate Wines (Grand Cru)
– Poully-Fumé 2006 – Châteu de Tracy (Tokay)
– Châteu Raynon 2006 – E.A.R. L Pierre et Denis Dubourdieu (Casa Flora)

Esse tipo de degustação onde se analisa a uva, é extremamente interessante, porque pode se perceber claramente o significado da palavra tipicidade. Os três primeiros apresentaram de forma homogênea as características marcantes dessa uva como os aromas minerais, frutas brancas e florais.

Já o último, quase achamos que se tratava de um chardonnay, tamanha distância dos primeiros. Isso porque é um vinho que foi embarricado, levando a ele outras características como tostado e mel. Assim como os demais também é um ótimo vinho com aromas muito complexos, mas sinceramente, acho que essa uva não foi feita para estagiar em barricas. Perde um pouco de seu frescor.

No mais, foi uma ótima aula. Excelente experiência.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!