quinta-do-crasto-2006Portugal

Tinto, Tinta Roriz, Tinta Barroca,Touriga Francesa, Touriga Nacional, 2006

Vinícola: Quinta do Crasto

Esse é mais um português de respeito que relato por aqui. Particularmente os vinhos da Quinto do Crasto me deixaram marcas, desde quando os provei pela primeira vez em uma degustação, e meses depois, quando voltei a beber o Quinta do Crasto Reserva, num jantar inesquecível com amigos.
Esse é de uma linha abaixo do Reserva, mas tão bom quanto. De cur bubi violácea intensa, jovem ainda, de aromas de boa complexidade de frutas vermelhas, açúcar mascavo, especiarias e um toque floral. Na boca é redondo, boa acidez e de taninos presentes, até um pouco rústicos ainda, mas nada que não melhore com mais algum tempo na garrafa.
Como este me foi oferecido pelo meu confrade Cristiano em sua casa, não sei o preço, mas nas lojas virtuais pode ser encontrado o 2007.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!