medalla-real-2005Chile

Tinto, Cabernet Sauvignon, Carmenère, 2005

Vinícola: Santa Rita

A noite em que experimentei esse chileno foi especialmente feliz. Resolvi experimentar um novo vinho em um novo lugar, pelo menos para mim. Fomos ao Baracat, um restaurante tradicional aqui em Campinas. Até agora estou me perguntando porque nunca tinho ido lá.

A idéia surgiu no dia em que fui à uma degustação e conheci a Ana Menezes, que sempre aparece por aqui para ler as opiniões desse humilde blogueiro. Ela trabalha no Baracat e quando me convidou para conhecer a casa, resolvir aproveitar a oportunidade e jantar com a Vanessa no dia do meu aniversário.

Fomos recepcionados pelo próprio Chef Marco Baracat que nos sugeriu iniciar com um bom espumante para os início dos trabalhos, que realmente fez toda diferença. A noite que se seguiu então, foi inebriante e durante praticamente todo o tempo me que estivemos lá, tivemos a sensação de um restaurante exclusivo só para nós. Total atenção do Chef Marco, com um desfile de aromas e sabores, além de todo o cuidado da equipe para que nossa noite fosse perfeita. E foi mesmo.

Ah o vinho? Um ótimo chileno, de muita personalidade. Sua cor denota ainda um vinho jovem e o aroma é intenso de frutas vermelhas em compota, forte e característico pimentão, baunilha e toque de café. Na boca é untuoso e potente, também marcado pela fruta adocicada, taninos redondos, macio e até um pouco alcoólico. Final longo com retrogosto de chocolate e tostado. Muito bom e acompanhou com perfeição os pratos da noite.

Como tudo que é inesquecível nesta vida, o Baracat com certeza será o endereço de várias outras garrafas e momentos felizes como esse.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!