Argentina

Tinto, Malbec, 2006

Vinícola: Bodega Sedna (Flavio Senetiner)

Meu irmão (quase) gêmeo Guilherme, não bebe muito vinho. Seu paladar está mais para uma boa weiss beer Paulaner, mas mesmo assim, de tanto me ouvir falar de vinho e experimentar um ou outro que lhe ofereço, pelo menos já sabe separar o joio do trigo. Esse malbec bebi na companhia dele dia desses, no Outback.

Um malbec rubi com reflexos violáceos translúcido, aromas de frutas negras e álcool um pouco aparente. No paladar nada de emocionante – corpo médio, taninos um pouco rústicos, baixa acidez, e álcool desequilibrado, daquele que esquenta a boca mesmo. Deixei na taça para oxigenar por mais algum tempo e nada.

De qualquer forma, um fato interessante neste dia, foi que nas outras vezes que pedi uma taça de vinho no Outback, o atendente me serviu diretamente o vinho da garrafa, na minha frente. Desta vez não, me trouxeram um “mini-decanter” com o vinho já servido, o que me deu aquela sensação: “será que é mesmo o vinho que eu pedi?”

Não gostei muito desse argentino. Com a diferença de apenas 1 real, vale mais a pena o Down Under, que também servem por lá.

O Guilherme concordou.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!