Há alguns meses eu e Vanessa resolvemos  criar o blog Menu de Baco, porque a Vanessa queria registrar outras receitas além das harmonizações, só que a vida anda muito corrida…e pense só, se manter um blog ativo já é difícil, imagine dois!!

Juntando isso com as centenas de pedidos (na verdade 3 ou 4) para voltarmos a postar juntos por aqui, o Menu de Baco está de volta. E para comemorar esse retorno com pompa e circunstância, uma harmonização especial:

Arroz Negro com Bacalhau desfiado e Bogle Chardonnay

Como é habitual aqui em casa, os grandes pratos saem do total improviso e dia desses em busca de aplacar nossa fome, Vanessa lembrou que tinha comprado uma caixa de arroz negro e quando abriu a geladeira deu de cara com uma porção de bacalhau desfiado. Pronto, está feito. Partiu para a cozinha para iniciar os trabalhos. Enquanto isso resolvi abrir esse vinho americano, o Bogle Chardonnay 2008, um belíssimo chardonnay que conheci no último evento do Encontro de Vinhos.

Tem cor palha com reflexos esverdeados e os aromas são sutis de abacaxi em calda, baunilha e um toque mineral delicado. Na boca se revela sua força, enche a boca, mas é muito aveludado, boa acidez e sem aquele exagero de madeira como normalmente vemos em chardonnay que passam por barricas de carvalho.

E a harmonização foi muito boa. Como o prato não é tão untuoso quanto um risoto, fechou como uma luva. Acho que outros chardonnay, sem passagem por madeira, também devem harmonizar.

A receita é com a Vanessa:

E o pior que é isso mesmo! Aqui em casa, nos dias de improviso, acabam saindo as receitas mais gostosas… Vou pra cozinha, dou uma olhadinha no armário, uma espiadinha na geladeira, junto isso e mais aquilo… e quando vamos ver, saiu alguma coisa muito boa! 😉

Fazia tempo que eu estava num namoro com esse arroz negro, pensando o que ia fazer com ele. E enfim saiu essa receita, que com o Bogle ficou um espetáculo!!

Risoto de arroz negro com bacalhau e cebola caramelada

– 1 xícara de arroz negro
– 1 litro e meio de caldo de legumes
– 1 taça de vinho branco
– 200g de lascas de bacalhau dessalgado
– 2 cebolas médias cortadas em meia-lua
– Azeite
– 2 colheres de sopa de manteiga
– Sal e pimenta a gosto
– Cebolinha picada

O truque para fazer o arroz negro é o tempo de cozimento, pois ele demora bem mais que o arroz arbório. Coloque o caldo para ferver (reserve mais ou menos meio litro), tempere com pouco sal e, quando iniciar a fervura, junte meia taça de vinho e o arroz negro. Deixe cozinhar por cerca de 35 a 40 minutos e, se for necessário, vá acrescentando caldo (o arroz não pode secar.Em uma frigideira, frite a cebola no azeite com 1 colher de manteiga até dourar bem. Junte as lascas de bacalhau e refogue por uns 5 minutos. Junte o arroz negro cozido e misture bem. Acrescente mais meia taça de vinho branco, mais um pouco de caldo (se for necessário) e mais uma colher de manteiga. Salpique a cebolinha picada e divirta-se!

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!