Provei esse malbec ontem no evento Tango & Vinho, promovido pela Wines of Argentina aqui em Campinas. Um evento bacana, apresentado pelo Marcelo Copello, em que ele “linkou” o vinho à cultura argentina, através da música. Se não fossem pelas taças de vidro grosso (aquelas modelo bistrô), que foram utilizadas para servir todos os vinhos da noite, o evento seria perfeito.

Dentre os 5 vinhos argentinos provados na noite, o Jean Bousquet Grande Reserva Malbec 2008 me impressionou pela ótima acidez e equilíbrio, saindo da mesmice dos demais argentinos bombados. Um vinho de boa estrutura, taninos domados, madeira integrada e de grande vocação gastronônica, que vai acompanhar com perfeição aquele bife de chorizo suculento.

É a segunda vez que os vinhos desse produtor me impressionam. Da outra vez, falei do cabernet sauvignon deles aqui e também gostei bastante.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!