O Sela 2008 é o vinho mais simples da Bodega Roda. É até uma heresia escrever “simples” sobre esse vinho, mas é isso mesmo. É o vinho de entrada deles que produzem verdadeiras obras de arte como o Roda Reserva, o Roda 1 e por aí vai.

Pois bem, esse vinho é feito de um corte de tempranillo e graciano. Tem uma cor escura violácea, aromas de couro, fruta vermelha como cereja madura e especiarias. No paladar é leve, boa acidez, taninos finos e um conjunto equilibrado.

Como bebi sem pressa, pude perceber que seus aromas evoluem muito na taça, aparecendo um toque defumado e balsâmico. Vale cada centavo.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!