Esse é outro varietal da linha básica da Morandé, só que uva pinot noir que também, assim como o chardonnay que já comentei por aqui, também cumpre bem seu papel.

Como uma boa parte dos pinot noir chilenos, o Morandé Pionero Pinot Noir 2010 é um vinho que apresenta bastante fruta vermelha, muita concentração e toques de couro e café. No paladar também se repete a fruta bem madura, acidez alta e o toque de café.

Um pinot noir honesto, dentro do “bom e barato”, que ainda surpreendeu com a harmonização inusitada que tentamos fazer aqui em casa: o famoso linguine à carbonara.

E foi muito bem. Veja aqui a receita que a Vanessa publicou no Menu de Baco.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!