Esperar um bom vinho chegar a sua plenitude é uma tarefa complexa para os ansiosos como eu. Para que isso aconteça, é melhor deixar a garrafa guardada em um lugar que você simplesmente não a veja e esqueça. Esse tempranillo por exemplo, nem é tão antigo assim, mas ele acena para mim há um bom tempo.

Numa reunião com os amigos dia desses, resolvi acabar com essa ansiedade e levei o Zuccardi Q Tempranillo 2005 pra passear e não me arrependi.

O vinho ainda tinha a cor escura, levemente atijolada, mas os aromas eram muito intensos de geléia de frutas vermelhas, chocolate amargo e um toque mentolado delicioso. Na boca os taninos são muito finos, tem excelente acidez, corpo médio e final muito longo e elegante.

Um vinho de 7 anos de idade em sua plenitude e acredito que ele ainda evolua bem por mais 3 anos tranquilamente. Aliás, os vinhos da Zuccardi me surpreenderam muito neste ano. Envelhecem muito bem com o tempo.

Relembre aqui Zuccardi Q Merlot 2000.

QUER SABER MAIS? DEIXE AQUI SUA DÚVIDA OU COMENTÁRIO!